Quando você não consegue um milagre, ainda pode ser um milagre para outra pessoa

Quando você não consegue um milagre, ainda pode ser um milagre para outra pessoa

MINHA PRIMEIRA PERGUNTA após ouvir sobre a morte de Philip Seymour Hoffman: Ele tinha família?

Saber que de fato ele teve uma companheira por 15 anos e três filhos com ela tornou tudo muito mais triste para mim. Reforça a verdade de que mesmo dentro de nossos relacionamentos e famílias, dentro de nossas conquistas, ainda podemos estar com tanta dor, ainda podemos estar em busca de fuga, esquecimento.

Esse sucesso e realização não necessariamente andam juntos.

Ultimamente, tenho pensado muito sobre as pessoas que são verdadeiramente realizadas. Cujas vidas são milagres para outras pessoas.

Poucas pessoas na terra parecem mais miraculosas do que Nick Vujicic. Ele nasceu sem braços ou pernas. Ele sofreu bullying quando criança e, aos 10 anos, tentou se matar. Agora, com 19 anos de atraso, ele escreveu dois livros, atuou em um filme premiado e recebeu mais de 30 mil solicitações como palestrante.

Sua mensagem de esperança é tão simples e profunda. Reserve um minuto para ouvir sua voz, sua paixão. Que paredes você pode transformar em portas?

Foto de destaque da imagem: www.LizzieVPhotography.com via Compfight cc


Assista o vídeo: Voz da Verdade - Sou um Milagre